Boletim nº 22 - 21 de Fevereiro de 2021

Vacinas e

Teorias de Conspiração

Pr. Renato Prates

boletim igreja vacina conspiração.jpg

Fonte: Montagem.

A Palavra do Senhor nos faz dois convites muitos especiais: O primeiro diz respeito à “Mente de Cristo” e o segundo à “Verdade do Evangelho”. Portanto, como filhos de Deus precisamos atentar para cada um deles, aceitando-os como requisitos fundamentais, “Sine qua non” , de um verdadeiro cristianismo reformado.

De acordo com as Escrituras ter a “Mente de Cristo” significa ter uma mentalidade renovada ou transformada pelo poder do Espírito (Rm 12:1-2), que não está mais sujeita aos rudimentos, crendices, superstições e enganos deste mundo tenebroso. Por exemplo, um cristão verdadeiro sempre refletirá e desconfiará de qualquer boato, notícia ou divulgação muito espetaculosa ou sensacionalista, antes de recebê-la com crença para divulgá-la, especialmente através de redes sociais.

 

O conceito cristão da “Verdade do Evangelho”, tem estreito viés metodológico, no que tange a investigação dos fatos. Primeiro, o cristão é desafiado a investigar o que as Escrituras afirmam sobre determinado pressuposto ou afirmação. Segundo,  ele deve ser movido por um desejo sincero de testar aquela suposta verdade absoluta ou suspeita, através de métodos mensuráveis oferecidos pelas ciências da razão e da experimentação, como a lógica e os dados científicos confiáveis publicados por instituições e estudiosos mundialmente reconhecidos.

A era da tecnologia é maravilhosa e desafiadora para a cristandade mundial. Maravilhosa, porque proporciona recursos quase que infindáveis de pesquisa e informação através da internet e aplicativos; mas também, desafiadora, porque estes mesmos recursos são muitas vezes utilizados para a divulgação de inverdades, que tem iludido e manipulado a vida de milhares de pessoas. Líderes influentes mal intencionados podem provocar revoltas, motins e verdadeiras guerras civis, utilizando-se de tais recursos, conforme revela o cenário político e sanitário mundial. Não são poucas as Fake News envolvendo o uso das vacinas contra o Covid-19, havendo até mesmo aquelas pessoas que acreditam e divulgam mutações genéticas, esterilização em massa e reações genéticas adversas irreversíveis na vida daqueles que foram vacinados.

Devemos lembrar que a história da aplicação de vacinas não é um fenômeno atual, mas iniciou-se no século XVIII, quando o médico inglês Edward Jenner utilizou uma vacina para prevenir a contaminação por varíola, uma doença viral extremamente grave que causava febre alta, dores de cabeça e no corpo, lesões na pele e morte. A varíola foi a primeira doença infecciosa que foi erradicada por meio da vacinação. De lá para cá, diversas outras vacinas foram produzidas pela humanidade, controlando e até eliminando boa parte das doenças mortalmente conhecidas, sem provocar nenhuma das mutações ou reações citadas atualmente pelos defensores das teorias de conspiração existentes no Brasil e no mundo.

Portanto, como cristãos somos chamados a desenvolver a “Mente de Cristo”, não se conformando com este Século; mas também, vivendo e propagando a “Verdade do Evangelho”. Neste sentido, nenhuma notícia que não esteja profundamente fundamentada nos conceitos mais básicos das Escrituras, como: amor, justiça, obediência e adoração, devem ser aceitos. Assim como, nenhuma divulgação extraordinária que não tenha sólida comprovação científica, deve ser acatada ou reforçada por nós. Lembremos que a ciência não é necessariamente uma adversária do Reino de Deus, mas sua aliada, inclusive para preservar nossa vida!

Sem medo então, podemos rogar ao Senhor que envie todas as vacinas imunizadoras possíveis contra o coronavírus, o mais breve possível, lembrando que absolutamente “todas as coisas cooperam para o bem daqueles que amam a Deus, daqueles que são chamados segundo o Seu propósito” (Rm 8.28); inclusive as vacinas!

                                                Que o Senhor nos abençoe!

“Porque ele tem dito.” (Hebreus 13.5)Quarta Palavra
00:00 / 02:50

Pedidos de Oração

​​​

Pelo fim da pandemia.

Pela chegada do Rev. Renato e Juliana.

Pelo Conselho.

Pela Junta Diaconal.

Pelos Ministérios da Igreja.

Pelos enfermos.

Pelos desempregados.

Pelas Missões.

Pela cidade de Macaé.

Pelo Estado do Rio.

Pelo Brasil.

Pelos afastados do Evangelho.

Pelos novos crentes.

Pelos perdidos.

Renião de Oração

Toda Sexta-feira, 6:00 h

Responsáveis:

Presb. Anderson

Cláudia

Lucília

08/02 - Renato Bersot

11/02 - Maria de Lourdes

13/02 - Carla Faria

17/02 - Anderson Poltronieri

21/02 - Caroline Fernandes

26/02 - Silvia Regina Fernandes

28/02 - Glaucéli Louzada

28/02 - Luciane Ribeiro

Durante o período da pandemia o pastor da igreja tem estado disponível para aconselhamentos e reuniões em geral, pelo telefone e internet.

Se você tem alguma necessidade específica procure o pastor da igreja para ser atendido adequadamente. Você pode fazer isto pessoalmente ou através do telefone: (22) 98124-4283.

Por enquanto, as visitações nos lares e atendimentos presenciais no gabinete estão suspensos, por conta da pandemia.

Entre em contato e seja pastoreado amorosamente!

Toda nossa programação, escala da equipe pastoral, novos eventos você encontrará no Menu > Agenda e Eventos.

Ao selecionar um evento, você verá na descrição as informações referentes.

Experimente agora! Clique no botão acima.

Dados Bancários :

Quarta Igreja Presbiteriana de Macaé.

CNPJ: 16.701.498/0001-50. 

Banco Itaú (341).

Agência: 0941.

Conta-Corrente: 19.643-8.

 

Favor depositar o comprovante junto com o envelope no gazofilácio ou enviar para: tesouraria@ccpmacae.org

Para contatar a Administração da Igreja, envie um e-mail para o Presb. Plínio administracao@ccpmacae.org